Posts com Tag ‘Gisele Bündchen’

Março é o “mês” da mulher. Desde a revolução feminista (segunda onda), as mulheres têm ganhado cada vez mais espaço no mercado de trabalho, galgando altos postos, mais direitos e também mais responsabilidades. Esse marco histórico abriu espaço para as mulheres da chamada geração X (décadas de 60-80) enfrentar barreiras e conquistar estes campos, antes dominados pelos homens. A ombreira e o terninho foram adotados na tentativa de trazer seriedade, poder e profissionalismo para elas. Daí veio a geração Y (década de 80), que vivenciou o surgimento da internet, das redes sociais, do rompimento de fronteiras globais, marcada pela ambição e pelas possibilidades reais de subir rapidamente na carreira, deixando o mercado de trabalho muito mais dinâmico, muito mais veloz, e a informação, inclusive de moda, começou a se disseminar.

Hoje, gerações X e Y, ambas no mercado de trabalho, são as principais consumidoras das grandes marcas de luxo no universo fashion. E é a elas a quem a moda tem se dirigido nas suas recentes criações e tendências: o Office Vibe. Chega de se igualar ao homem na forma de se vestir para o trabalho. Dá para tornar a roupa de escritório mais feminina? E daí que milhares de estilistas buscam reinventar a camisa social, a alfaiataria, o colete, o blazer. O desfile do Viktor & Rolf (coleção Spring/Summer 2011), em Paris, foi um (dos tantos!) que buscou brincar com este conceito.

A "working girl" é tema dos principais editoriais de moda pelo mundo

E você achando que a camisa social (que tem transitado entre o look do trabalho e da festa) é tendencinha de verão?! Tsc! A camisa é apenas um expoente de toda essa macro-tendência! 

Camisa social em alta - tá se usando até com shortinho.

Mas daí vêm as gerações Z (década de 90) e Alpha (2010 em diante). Os dispositivos móveis, a conexão 24/7, sobrecarga de informação, mais trabalho, mais consumo. Como será a moda para essas gerações? Certamente, ainda mais flexível. Muitas referências serão incorporadas à “roupa do escritório”, bem como o office vibe invadirá a praia e a balada. Isso é o que já estamos vivenciando, ainda engatinhando, mas em breve será disseminado e aceito naturalmente por grande parte da sociedade. É o que já vimos no post sobre o novo jeans, que pode ir até ao escritório, ou no post sobre o blazer que vai à praia. Num mundo onde o escritório está na palma da sua mão (o espaço físico perde a relevância), e a sua disponibilidade é total, estar “pronta” é lei. E esse estar pronta passa a ser flexibilizado: chega de excessos de formalismos, mas também, chega de excessos de informalismo em outras diversas ocasiões da vida. 

Camisa jeans no escritório, já pode?

E para homenagear essas gerações de mulheres que vêm marcando mudanças em diversas áreas do conhecimento, o prêmio Barra Mulher 2011 aconteceu essa semana no Shopping Barra (Salvador), homenageando mulheres baianas de destaque, seja na área jurídica, na moda, nos esportes, no jornalismo, enfim, em diversas áreas, cada uma com a sua contribuição para a sociedade.

Troféu Barra Mulher 2011, criado por Evannez Python. Imagem: Débora Paes

Homenageadas Barra Mulher 2011. Imagem: Débora Paes.

Parabéns para elas! Parabéns para nós!

Anúncios

A trendsetter, it girl, global, badaladíssima Thaila Ayala desfilou ontem no Barra Fashion Mall para a TNG. A coleção geométrica e jovem apresentada pela primeira vez na última edição do Fashion Rio também fez muito sucesso por aqui, com o carisma da atriz que hoje interpreta a Amanda, da novela Tititi.

Thaila para TNG

Conversei com Thaila, no backstage da TNG, sobre o assunto-tema daqui do blog!

Caçadora de Tendências – Thayla, conta pra gente, qual é o seu must have para este verão?

Thaila Ayala – Renda! Estou amando essa tendência muito forte da renda, sem contar que nunca sai de moda. Tenho uns vestidos de renda do Carlos Miele da época da M.Officer de uns 10 anos atrás e vou usá-los todos novamente!

Renda para o verão! Graça Ottoni, Auslander e Teca, no último Fashion Rio

CT – O que está out?

Thaila Ayala – Para mim, nada! Não tenho um estilo definido, então posso usar de tudo, a depender do meu humor!

CT – Existe algum item que para você sobrevive, superando estações e temporadas de moda? 

Thaila Ayala – Meu pó bronzeador da Dior. Seja no verão, seja no inverno, estou sempre usando. Item indispensável!

*Aqui no blog já teve até post sobre esse bronzeado de luxo. Super in!

CT – O que te chama a atenção na moda da Bahia?

Thaila Ayala – A renda!!! Acho belíssimas mesmo!

CT – Ícone trendsetter?

Thaila Ayala – A Gisele que é sempre musa, diva e tal! Antes eu prestava mais atenção a esses ícones de estilo, mas hoje não tenho uma única pessoa que considero fonte de inspiração. Mas a Gisele continua sendo referência pela sua história de vida e estilo próprio.

Gisele é a trendetter que inspira Thaila Ayala

CT – Agora, a pergunta que não quer calar: Jacques Leclair ou Victor Valentim???

Thaila Ayala – (risos) Victor Valentim!!!! Ele é mais “tchan”!

Para quem não conhece, Victor Valentim já vestiu Gaga e Kate Moss. #Tititi

Concordo, Thaila!!! Eu também sou team BICTOR BALENTIM!!!!

Pra terminar, uma foto do look pré-desfile para o blog:

Imagens da Thaila Ayala: Caçadora de Tendências
Demais imagens: reprodução

Primeiro veio o étnico, que evoluiu para o tribal, aí veio Avatar, e veio o desfile de alta costura primavera-verão do Valentino, seguido de outros estilistas nas fashion weeks internacionais, ao passo que, paralelamente, as tachas evoluíam para as plumas que evoluíam para as penas, e os editoriais acabaram fazendo a grande sacada: o indígena seria a tendência-da-hora!

Daí que para atingir os corações do street style e dos fashionistas foi uma flechada! (Tendências surgem muitas vezes das ruas, mas podem surgir também de editoriais, traçando o caminho inverso: das revistas de moda para os usuários).

Quer incorporar a curumim também? A Bia Perotti já deu a dica dos brincos apache!

E eu que nem fazia idéia que o mocassim fazia parte dessa tribo? O pessoal do Petiscos o classificou no rol do indian style! Mais um item pra ajudar a fazer a índia sem precisar sair por aí de cara pintada!

One little, two little, three little.. OMG! Lots of little indians!